Como‌ ‌a‌ ‌ansiedade‌ ‌e‌ ‌o‌ ‌estresse‌ ‌afetam‌ ‌sua‌ ‌pele‌?‌ ‌

Partilhe:
Como‌ ‌a‌ ‌ansiedade‌ ‌e‌ ‌o‌ ‌estresse‌ ‌afetam‌ ‌sua‌ ‌pele‌?‌ ‌

Há dias em que não podemos fugir de situações estressantes. O estresse está presente no nosso dia a dia, afetando não só o humor, mas também a pele. Ansiedade e nervosismo conseguem irritar a nossa pele, causando desatar, vermelhidão e, muitas vezes, até lesões de acne, como borbulhas. Por conseguinte, é essencial respirar fundo e evitar que a situação chegue a este ponto.

Insónia agrava todos os tipos de problema de pele

Uma mente com inúmeras preocupações e ansiedades dificilmente pode descansar, o que causa insónias e outros tipos de distúrbios do sono. Além de olhar cansado, pálpebras inchadas e círculos escuros, dormir pouco também agrava outros tipos de problemas, como secura excessiva da pele, que requer horas de sono para repor os níveis de hidratação.

Com a pele seca e um sistema de imunidade mais baixo, as linhas de expressão tornam-se cada vez mais profundas, e possivelmente os problemas existentes, como o eczema e a psoríase, são agravados.

Manias podem causar marcas e cicatrizes

Além de hábitos como roer as unhas e tocar no cabelo em momentos de grande ansiedade, muitas mulheres tocam constantemente na pele do rosto, fazendo com que os resíduos e oleosos dos dedos se acumulem nos poros causando cravos e borbulhas. Outros usam as unhas para apertar pequenos relevos compulsivamente, criando inflamações e lesões na derme, que mais tarde se transformam em marcas e cicatrizes.

Aqueles com pele escura ou preta sofrem especialmente com este costume, uma vez que a pele com níveis mais altos de melanina tem mais dificuldade em regenerar-se, ficando marcada mais facilmente e por mais tempo.

Rugas de expressão

Em tempos de stress, é muito comum surgir problemas de acne cística localizada, que é bem inflamada e dolorosa, tanto devido a variações hormonais como à estimulação física de tiques nervosos. No entanto, há outro problema que é mais silencioso, e que só é revelado ao longo do tempo: as linhas de expressão.

Uma rotina cheia de eventos estressantes deixa qualquer um sob tensão, e os músculos também sofrem do problema. Além da postura curva, com ombros flexionados, é comum franzir a testa e os olhos por períodos muito longos. Este hábito cria pequenas rugas nestas regiões, que se aprofundam com o tempo.

Estamos a passar um mau bocado por causa da pandemia. Tudo mudou e é natural que estejamos muito mais ansiosos e zangados com tudo o que está a acontecer. Portanto, o conselho principal é: relaxe. Nem tudo está sob o nosso controlo, por isso não adianta sofrer e ficar irritado com o que não está ao nosso alcance. Se a sua pele está comprometida devido ao uso constante da máscara e também pelo stress, seja por esta ou outras razões, a boa notícia é que hoje existem vários produtos formulados especialmente para a pele acneica e isso pode ser tratado rapidamente.

Na Pharma Scalabis pode encontrar vários produtos para ajudar nesse processo. Não se esqueça de conferir as nossas ofertas e siga o nosso blog e as nossas redes sociais para ficar a cargo das novidades! Se gostou deste conteúdo, também partilhe com quem possa estar interessado!

Partilhe:

Blog

É possível suavizar estrias?

É possível suavizar estrias?

Estrias 19 de Junho de 2021

Apesar de ser uma marca considerada comum para muitas mulheres, há algumas pessoas que ainda veem as estrias como um grande incómodo estético no corpo. Estes pequeninos são muito comuns no período da puberdade, quando há um crescimento e uma bomba hormonal responsável pelo desenvolvimento de mamas e a acumulação de gordura nas ancas, glúteos, […]

Ler Mais
Cansaço

Olheiras: entenda os tipos e o que pode agravar o escurecimento

Olhos 17 de Junho de 2021

Seja castanho, avermelhado ou azulado: pode até culpar o cansaço, a falta de sono, o stress e a TPM pelas suas olheiras, mas a verdade é que estes são apenas fatores que agravam uma condição que já tem. As olheiras podem formar-se em qualquer fase da vida, em homens e mulheres e até mesmo crianças, […]

Ler Mais